sábado, 11 de junho de 2011

O girassol


Que a paixão
com tudo o que lhe é voraz
me carregue.
Consoante à paixão
que o teu calor, menininha morena,
em mim incendeia.
Somos incensos queimando por dentro.
Sou teu amante* queimando por dentro.
Louco por teu beijos. Eu,
Logo eu que te peço tão pouco.
Logo eu que te peço, se muito, o amor!
A mim, me perdoe.

? amante: que ama; que tem amor

2 comentários:

Beatrice Monteiro. disse...

Lindo, Ismael!

' raylane laêda . disse...

Olá, tô seguindo o Blog de vocês. Gostei muito dos textos . Parabéns.

Visita lá o meu.

www.raylanelaeda.blogspot.com

Beijos. ;*