sábado, 10 de abril de 2010

Receituário do adulto

Já não somos crianças e para agir precisamos medir os riscos...
Já não somos crianças e para nos envolver precisamos de bons motivos...
Já não somos crianças e para falar é preciso fazer sentido...
Já não somos crinças e para cantar é preciso cantar bonito...
Já não somos crianças e para sorrir é necessário haver um porquê explícito...
Já não somos crianças e para saber é preciso ter lido ou ouvido...
Já não somos crianças e para ler precisamos conhecer o livro...
Já não somos crianças e para dançar é preciso estar no ritmo...
Já não somos crianças e para conversar deve se escolher um assunto específico...
Já não somos crianças e antes de amar é preciso "criar juízo"...
Já não somos crianças e temos que parar de falar aos gritos...
Já não somos crianças e para sonhar primeiro temos que saber se é possível...
Já não somos crianças e para perdoar é preciso haver antes um pedido...
Já não somos crianças e se for desenhar, tem que ser um desenho incrível...
Já não somos crianças e para tudo que fazemos há um padrão a ser seguido...
Já não somos crianças, mas, sabe, nós bem que poderíamos...

3 comentários:

Beatrice Monteiro. disse...

Livremente inspirado na canção "Quase sem querer" do Legião Urbana... "Mas não sou mais tão criança a ponto de saber tudo"

Ronyere disse...

lindo texto...

já não somos crianças, talvez isso seja o pior de tudo. Esse super ego que nos mostra q temos q obedecer padrões X(

Beatrice Monteiro. disse...

Obrigada Ronyere... Por visitar nosso espaço e pelo comentário =)!!